Geovanni: “O Benfica está no caminho certo”

Geovanni passou pelo Benfica entre 2002 e 2006, chegando como uma estrela vinda do Barcelona. O brasileiro, hoje com 40 anos, conhece bem o peso das danças do mercado, da ilusão que um treinador e um jogador podem gerar num clube e num universo de adeptos. O atacante viveu a grande temporada pelas águias em 2004/05, sendo um dos principais elementos na campanha do título alcançada com Trapattoni. Da velha raposa italiana para o sabido Jorge Jesus, Geovanni respira confiança com o regresso do técnico à Luz, seguro dos resultados de tanto investimento.

«Já o conhecia bem do Benfica e do Sporting. Um grande treinador, só veio confirmar aqui no Flamengo, aquilo que ele tem, a sua capacidade. É muito estudioso e vive muito futebol. Como brasileiro fiquei muito feliz de ter tido a oportunidade de ver o Jesus no Brasil. Todos os brasileiro aprenderam e hoje têm carinho por ele e pela forma como pôs o Flamengo a jogar. A saída foi complicada, os adeptos gostavam muito dele, vai fazer falta ao futebol brasileiro mas, ao mesmo tempo, fico feliz por estar de regresso ao Benfica, um clube muito especial», nota Geovanni, agradado com o posicionamento do Benfica quanto a reforços.

«Sei que já tem pedido muitas contratações e muito boas. O Benfica está no caminho certo, tem ganho alguns campeonatos e vai voltar mais forte na Liga Portuguesa e nas competições europeias. O Benfica é grande», garante, elogiando o ataque a um jogador como Cavani.

«O Cavani é um dos melhores do mundo. Se puder contratá-lo vai ser de grande importância, por toda a experiência acumulada na seleção, nos Campeonatos do Mundo e em decisões nas provas europeias. É um dos maiores artilheiros da história do Paris Saint-Germain. É uma aquisição fundamental e o Benfica ficará muito a ganhar», aclara Geovanni, nada poupando, também, nos elogios a Everton Cebolinha.

«O Cebolinha é um dos melhores jogadores do Brasil na atualidade. Há dois anos ganhou a Libertadores pelo Grêmio e fez um grande trabalho nas competições internas, sempre marcando muitos golos e fazendo muitas assistências. É um jogador muito técnico e rápido. Jesus sabe como ele joga, pelo lado esquerdo do campo com facilidade de cruzamento com a perna contrária. Ao mesmo tempo corta pelo meio e finaliza. Vai ser muito importante, principalmente porque é muito rápido, no um para um é muito bom e acima da média, tem personalidade e vai ajudar muito o Benfica», certifica, sem apagar da memória o título de campeão conseguido em 2004/05, época em que marcou 10 golos em 45 jogos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.