Treino cabisbaixo na preparação para jogo na Madeira

Vivem-se horas difíceis no complexo de treino das águias. O momento do futebol, que atravessa espiral negativa desde início de fevereiro e que nem a paragem devido à pandemia conseguiu estancar, atirou Bruno Lage e a equipa para uma depressão profunda da qual ninguém está a conseguir sair.

Os últimos dias têm sido difíceis. O plantel já se apercebeu que o treinador pode não ter capacidade para chegar ao fim da época. E embora o empenho nos treinos continue a ser intenso, a verdade é que vive-se uma situação como que… de embaraço.

Daí que ninguém saiba o que pode vir a seguir, como irá reagir a equipa no próximo jogo. Por outro lado, Bruno Lage sente que está a ser-lhe dada a última oportunidade. Vencer segunda-feira na Madeira pode ser balão de oxigénio para sobreviver… mais alguns jogos, ou até ao final da época.

O Seixal quer começar a preparar a próxima época e para já está tudo em suspenso. O tempo escasseia e Luís Filipe Vieira sabe disso. Um passo em falso pode agravar a crise que inevitavelmente se instalou no futebol. E crise no futebol é significado de instabilidade em todo o universo encarnado, como se percebeu na sexta-feira com o chumbo do orçamento na AG. As consequências dessa votação são por enquanto nulas (não implicam nova AG para aprovar orçamento) mas em ano de eleições Vieira está obrigado a ponderar bem as próximas decisões.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.