Grimaldo e Jardel conhecem gravidade das lesões

O Benfica divulgou, esta sexta-feira, as lesões sofridas por Grimaldo e Jardel no decorrer do jogo com o Portimonense, na passada quarta-feira.

O lateral-esquerdo espanhol está a contas com uma lesão no ligamento lateral interno do joelho esquerdo, enquanto o defesa-central brasileiro sofreu uma rotura muscular na região posterior da coxa esquerda.

Álex Grimaldo já não joga mais esta época. O lateral-esquerdo conheceu a sentença, ontem, depois dos exames complementares de diagnóstico ao joelho esquerdo. Se, por um lado, ficou afastado um cenário ainda pior, por outro confirma-se a primeira avaliação. O Benfica informou, no boletim clínico publicado no site, que o lateral-esquerdo de 24 anos sofreu «lesão no ligamento lateral interno do joelho esquerdo». A recuperação demorará cerca de dois meses.

Será sem um dos mais importantes jogadores que o Benfica terá de enfrentar os restantes oito jogos do campeonato e ainda a final da Taça de Portugal com o FC Porto. As primeiras avaliações do departamento clínico já apontavam para a possibilidade de Grimaldo perder o resto da temporada, mas, mesmo assim, a confirmação da indisponibilidade do espanhol causou profunda tristeza no Seixal. Grimaldo, afinal, é um dos indiscutíveis de Bruno Lage – a prová-lo estão os 88 jogos de campeonato seguidos como titular. A série começou na sexta jornada da época 2017/2018, a 16 de setembro de 2017, num jogo com o Boavista (1-2), no Bessa, e terminou, quarta-feira, em Portimão, aos 64 minutos, depois de um choque com Cervi e Hackman e uma queda aparatosa que o deixou dominado por dores no relvado. Quando estava a ser assistido e a sair para o balneário, não conseguiu conter as lágrimas. E à saída do estádio para o autocarro coxeava.

Esta é a segunda lesão grave de Grimaldo no Benfica. Não necessitará, porém, de ser operado. Em janeiro de 2017 foi operado, em Madrid, à parede abdominal, para curar uma pubalgia, depois de tentativa de tratamento conservador. Na temporada 2016/2017, esteve cinco meses parado. Recomeçou a época seguinte como titular, parou um mês logo após a Supertaça devido a problemas musculares e arrancou, então, para os 88 jogos seguidos como titular no campeonato.

Bruno Lage lamentou, no final do jogo com o Portimonense, a lesão de Jardel, assumindo que a saída do brasileiro aos 24 minutos, por Ferro, condicionou a equipa e a forma de defender o jogo mais direto do adversário. O treinador já tinha elogiado o central de 34 anos, assinalando que se apresentou muito bem após a paragem competitiva, justificando a titularidade. Lage não só perdeu Jardel no jogo com o Portimonense como não vai poder contar com ele num período de três a quatro semanas.

Os exames ontem realizados detetaram uma rotura muscular na região posterior da coxa esquerda, segundo o boletim clínico publicado pelos encarnados. Isso quer dizer que Jardel estará em condições de voltar a meio de julho, numa altura em que faltarão ainda três jogos do campeonato, contra V. Guimarães (casa), Aves (fora) e Sporting (c), além da final da Taça de Portugal com o FC Porto, ainda sem data confirmada, mas, provavelmente, no fim de semana de 2 e 3 de agosto. Sem Jardel, será Ferro a entrar em cena ao lado de Rúben Dias.

Nota ainda para David Tavares, que continua positivo ao Covid-19.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.