Para ceder Kardec, Jorge Jesus pediu que levassem também Felipe Menezes

Em 2013, o Palmeiras esta na Série B do Brasil e tinha Gilson Kleina no comando técnico. Com recursos escassos, o técnico apaixonou-se por Alan Kardec, então no Benfica, e falou com Jorge Jesus, técnico dos encarnados na altura, que aceitou a cedência do avançado brasileiro… Com uma exigência insólita.

«De noite, em casa, tinha uma filha pequena, eu ligava o notebook e ia acessar os elencos dos grandes clubes de fora. Colocava alguns no papel, mas era sonho. Até que eu vi o Kardec. Ele não tinha minutos, não era escolhido para as partidas. E eu vi que ele poderia nos ajudar muito. Passei o nome para a diretoria e pedi para que eles me contactassem com o Jorge Jesus. Ele me atendeu no mesmo dia, me apresentei e que gostaria de falar sobre o Alan Kardec. Ele só fez uma exigência que gostaria também que levassemos o Felipe Menezes. E assim ele liberaria o Kardec», explicou o antigo técnico do verdão à Fox Sports.

Felipe Menezes chegou em 2009 aos encarnados e saiu em 2013, tendo disputado apenas 29 jogos. Kardec, chegou em janeiro de 2010 e só em 2014 se desvinculou em definitivo da Luz. Atuou em 43 encontros e fez oito golos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Foto do Google

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Foto do Facebook

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.