Benfica vence e o Bakken Bears e lidera grupo na FIBA Europe Cup

A equipa de basquetebol do Benfica, comandada por Carlos Lisboa, venceu, sem margem para dúvidas, o conjunto dinamarquês do Bakken Bears, por 90-79, em jogo referente à 3.ª jornada da FIBA Europe Cup. Com este triunfo incontestável as águias chegam à liderança do Grupo I.

Apesar do frio que se fazia sentir em Lisboa, os adeptos presentes no Pavilhão Fidelidade faziam por aquecer o ambiente e viram o Benfica a inaugurar o marcador. Uma entrada forte de Betinho Gomes que não deu hipótese e afundou para os primeiros pontos encarnados. 

O jogo continuava bastante dividido, equilibrado, mas com algumas falhas na concretização de ambos os lados. Carlos Lisboa mexeu nas suas peças e decidiu colocar em quadra o reforço Anthony Hilliard. As mudanças surtiram efeito e ao final do 1.º quarto o resultado era de 17-18.

A eficácia dos lançamentos triplos começou a aumentar e no Benfica era Damian Hollis quem se apresentava de “mão quente”, contribuindo até então com 11 pontos. Tiros exteriores de grande qualidade que faziam vibrar os adeptos presentes nas bancadas.

A maior diferença no marcador surgiu a 2 minutos do intervalo. Um triplo de Betinho e um lançamento de Eric Coleman perto da tabela catapultaram as águias para uma vantagem de seis pontos 43-37.

O momento de maior vibração no Pavilhão Fidelidade ainda estava por surgir. Rafael Lisboa, do “meio da rua”, lançou para um triplo perfeito com a bola a beijar as redes sem tocar no aro. Os adeptos levantaram-se, aplaudiram e ao final do 2.º quarto o resultado era de 50-39

A entrada dos encarnados na 2.ª parte foi muito forte. O festival de triplos continuava dos dois lados. Lançamentos com bastante efeito que dignificavam bastante a modalidade (60-49).

Num sistema de rotação bastante bem gerido, o Benfica mantinha toda a sua qualidade em quadra e não deixava que os dinamarqueses se aproximassem em demasia.

Rafael Lisboa era outro dos elementos em destaque! O base benfiquista conseguiu evitar a concretização de um alley-oop e os adeptos vibraram como se tratasse de um lançamento de três pontos. Ao final do 3.º quarto67-60.

Foi mesmo no último quarto que o Benfica conseguiu cavar a maior diferença (12 pontos). Anthony Ireland era um autêntico acelerador de processos, bastante combativo e não desistia enquanto os seus lançamentos não caíssem. A seis minutos do final da partida o marcador eletrónico espelhava o diferencial de 75-64.

Os da casa foram gerindo a seu bel-prazer, controlaram as operações e os triplos não paravam. Um triunfo incontestável e sem espinhas. Resultado final: 90-79.

Com este resultado o Clube da Luz chega aos 5 pontos e alcança a liderança do Grupo I. No jogo da próxima jornada (4.ª), que se vai disputar no dia 22 de janeiro às 19h30, os encarnados enfrentam o Spirou Charleroi (Bélgica). 

DECLARAÇÕES

Carlos Lisboa (treinador do Benfica): “Foi uma boa vitória! Nós preparámos este jogo para defrontar a equipa que ia em 1.º lugar, um conjunto muito forte. Respondemos muito bem, atacámos e defendemos com muita qualidade e tenho a certeza que fomos justos vencedores por tudo aquilo que fizemos durante os 40 minutos, pela entrega dos meus jogadores em campo e pela forma como deram tudo para defender o nome do Benfica”.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.