Weigl explicou à BTV porque escolheu o Benfica

Julian Weigl já é jogador do Sport Lisboa e Benfica! O médio internacional alemão, adquirido por 20 milhões de euros, assinou contrato até 2024 e fica blindado por uma cláusula de rescisão no valor de 100 milhões de euros, conforme informação prestada pela SAD benfiquista à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

O Benfica é, de facto, um grande clube, com uma grande história. Tive boas conversas com Rui Costa, com o Presidente [Luís Filipe Vieira] e com Tiago Pinto, e senti que eles queriam mesmo que viesse para o Benfica. Tive um sentimento especial durante essas conversas e ficou claro para mim que queria fazer esta mudança. Também conheço a atmosfera que se vive no Estádio [da Luz], joguei aqui pelo Borússia Dortmund, os adeptos são ótimos e estou ansioso por jogar para eles“, reconheceu, nas primeiras palavras “à Benfica”.

Nas declarações prestadas à BTV, Weigl confessou ter perguntado pelo Benfica a Axel Witsel e ao internacional português Raphael Guerreiro, jogadores que teve como companheiros de equipa no Dortmund.

“Sim, primeiro falei com Witsel, e também falei com Raphael Guerreiro, que não jogou cá, mas que também gosta muito do Clube. Só ouvi coisas boas. Foi bom, para mim, saber que outras pessoas têm o mesmo sentimento que eu”, revelou o médio.

Julian Weigl mostrou-se já conhecedor da realidade que vem encontrar no Benfica, falando até da rivalidade dos encarnados com FC Porto e Sporting.

«Já vi alguns jogos nas últimas semanas, quando as conversações começaram. Gostei da Liga, é uma competição onde todos tentam jogar bom futebol, pode ser bom para mim. Sei que há rivais como o FC Porto e o Sporting, por exemplo, sei que os jogos com eles é uma enorme competição», disse o internacional alemão.

Nas primeiras palavras após ter assinado pelo Benfica até junho de 2024, Weigl deixou bem clara a vontade de jogar no Estádio da Luz. «Tem grande atmosfera e é lindo. Também já visitei o centro de treinos e estou ansioso por poder treinar-me lá», referiu.

O médio mostrou-se ainda conhecedor do plantel, citando alguns nomes: «Vlachodimos, porque jogámos nos sub-21 da Alemanha, também conheço o Seferovic e o Pizzi. Gosto muito de o ver jogar. Tenho visto os últimos jogos, já conheço a equipa e quero estar com eles, trabalhar com eles e lutar por títulos.»

Garantindo que está já a aprender algumas palavras em português, Weigl contou ainda que vai utilizar o número 28, porque foi o primeiro que usou como profissional. E deixou também palavras aos adeptos:

«Pelo que vi nas redes sociais, os benfiquistas ficaram muito contentes com a possibilidade de assinar pelo Benfica. Percebi o quanto gostam do clube. Estou ansioso por conhecê-los e jogar para eles.»

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.