Benfica perde primeiro jogo da final de voleibol para o Sporting

A equipa de voleibol do Benfica, comandada por Marcel Matz, cedeu fora de portas perante a formação do Sporting (3-0). Tudo em aberto para a decisão do título nacional, sendo que o segundo jogo da final está marcado para o dia 13 de abril (sábado) no Pavilhão n.º 2 da Luz.

Entrada em falso das águias no primeiro jogo da final, com o Sporting a colocar-se na dianteira do marcador (4-1). Os encarnados não demoraram muito tempo a reagir e equilibraram a partida depois de conseguirem três pontos consecutivos (8-8). 

Os comandados de Marcel Matz, primeiros classificados da fase regular do Campeonato Nacional de Voleibol, não baixaram os braços e puxaram dos galões para se colocarem na frente do resultado com uma vantagem de dois pontos (16-18). 

Os leões voltaram a reagir, estiveram algum tempo em desvantagem, mas venceram o 1.º set do dérbi por 28-26. Resultado: 1-0.

Sporting-Benfica

A toada de jogo manteve-se, sendo que nenhuma equipa conseguia distanciar-se no marcador. Um jogo digno de uma final com todos os pontos a serem discutidos até ao último esforço.

As águias reagruparam, melhoraram e conseguiram cavar uma diferença de três pontos para o seu adversário (7-10). 

Dérbi de emoções fortes com duas equipas a lutarem com tudo e onde o equilíbrio foi a palavra de ordem. Os jogadores encarnados cederam com o decorrer dos minutos e o Sporting aproveitou para se colocar novamente em vantagem e vencer o 2.º set por 25-21. Resultado: 2-0.

Sporting-Benfica

O 3.º set começou com os leões a entrarem na frente do marcador (6-3). O Benfica não baixava os braços, tentava recuperar da desvantagem, mas o bloco leonino ia anulando as ações ofensivas dos encarnados

As águias não conseguiam impor a sua qualidade de jogo, os adversários aproveitavam para dilatar a vantagem e fechar mesmo o 3.º set por 25-20. Resultado final: 3-0

Formação inicial do Benfica: Rapha, Zelão, Wohlfi, André Lopes, Tiago Violas (L), Theo Lopes e Ivo Casas.

Marcel Matz

“Seguimos de cabeça levantada”

Marcel Matz (técnico do Benfica): “Foi um jogo muito difícil e sabíamos das dificuldades que iríamos enfrentar aqui. Dois sets foram bem construídos por nós, mas na parte final eles foram mais fortes e deram a volta ao resultado. No 3.º set a equipa ressentiu-se e eles estando embalados conseguiram fechar o encontro. Nós jogámos muito abaixo daquilo que vínhamos a fazer ao longo da época, mas seguimos de cabeça levantada para os confrontos que se seguem na Luz.” 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.