Ferro será reforço de inverno para Bruno Lage

Regra geral, as grandes movimentações de jogadores na janela invernal do mercado ficam reservadas para os últimos dias de janeiro e este final de mês não será exceção, esperando-se ao longo dos próximos dias, na Luz, que seja concretizado o necessário emagrecimento do plantel, pois a estrutura das águias acelerou nas últimas horas as démarches nesse sentido, afrouxando, até, as exigências a nível financeiro por forma a poder consumar as suas intenções.

A dieta que há muito estava a ser preparada acabou por ficar em stand by por algumas semanas, com a troca de Rui Vitória por Bruno Lage no comando técnico das águias e para que este último tivesse também uma palavra a dizer nesse particular.

Ao cabo de três semanas a trabalhar com o plantel principal, e à luz do 4x4x2 que recuperou, Lage teve tempo para avaliar o que cada jogador poderia oferecer à equipa no pós Rui Vitória e deu o seu parecer em relação às saídas, sem que dele saíssem decisões surpreendentes mas antes as confirmações do que há muito vinha a ser desenhado e saltava, até, à vista do comum adepto.

As mexidas, algumas já concretizadas, afetam todos os setores do plantel, a começar pela baliza e com a consumação da saída de Bruno Varela para o Ajax, ele que passou de titular a terceiro guarda-redes e não teve um minuto de competição que fosse esta temporada, vendo Odysseas Vlachodimos e Mile Svilar repartirem entre eles as quatro competições em que os encarnados estão envolvidos.

Na defesa, sem surpresa, vai mesmo registar-se o adeus de Cristián Lema. O central argentino de 28 anos, que chegou à Luz este verão oriundo do Belgrano, clube com o qual terminara contrato, teve apenas duas aparições na equipa encarnada, sendo titular no clássico com o FC Porto na Luz, para a Liga, e suplente utilizado no AEK-Benfica da Liga dos Campeões. Insatisfeito com a pouca utilização, Lema também quer sair e o regresso à Argentina afigura-se como provável apesar de o jogador não afastar a permanência na Europa.

A saída de Lema, a consumar-se, irá abrir espaço para um central da formação no plantel principal, sendo Francisco Ferreira, mais conhecido por Ferro, 21 anos, da equipa B, o principal candidato a preencher essa vaga que se espera que fique em aberto.

Chegados ao meio-campo, também há alterações na forja para concretizar até dia 31, data em que as águias esperam já não contar com um destes dois jogadores no plantel: ou Samaris ou Alfa Semedo.

Chegados ao ataque, é Ferreyra o avançado que as águias preferem despachar, mas a intenção não deixa Castillo a salvo, porque se surgir negócio pelo chileno que agrade a todas as partes será ele a sair. O Getafe foi o clube mais recentemente associado ao internacional chileno mas o diretor desportivo dos madrilenos, Nico Rodríguez, desmentiu esse cenário. «Não temos nenhum interesse em Castillo», afirmou, ontem, em Espanha.

Já Ferreyra tem sido associado ao interesse de vários clubes da Série A, disse não ao Frosinone e tem agora o Sassuolo à perna para render Boateng, que foi emprestado ao Barcelona. E o treinador Roberto De Zerbi atestou isso mesmo, juntando o nome de Ferreyra ao do central Demiral.

«Sim, esses dois nomes estão a ser avaliados e são jogadores que encaixariam bem», confirmou.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.