Ministério da Justiça deverá recorrer do E-Toupeira

O Ministério Público discorda da decisão da juíza de instrução Ana Peres no caso conhecido como e-toupeira e vai recorrer do despacho da juíza, em que esta se decidiu pela não pronúncia SAD do Benfica. Esta estava acusada de trinta crimes, incluindo corrupção.

De acordo com a edição online do Expresso, que cita fonte judicial, o procurador Valter Lemos vai apresentar recurso no Tribunal da Relação de Lisboa. O recurso será apreciado pelos desembargadores da Relação.

Paulo Gonçalves vai ser julgado por corrupção, bem como o funcionário judicial José Augusto Silva.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.