Queixa do Benfica faz de Pinto da Costa e restante direção arguidos no caso dos emails

pintodacosta-vieira-1Pinto da Costa foi esta sexta-feira constituído arguido no caso dos emails. O presidente do FC Porto foi esta sexta-feira interrogado no DCIAP por ofensa à pessoa coletiva na sequência de uma queixa apresentada pelo Benfica.

Jorge Nuno Pinto da Costa foi ouvido nas instalações do Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP) como testemunha. diziam imprensa assim como os responsáveis da SAD do FC Porto. Acontece que nenhum dos ouvidos prestou declarações remetendo-se ao silêncio. Ora nunca o poderiam fazer na qualidade de testemunhas e sim de arguidos.

Mais tarde a imprensa veio a confirmar aquilo que já era espectável. O presidente do FC Porto é arguido no processo do e-mails assim como Francisco J Marques. PAlém de Pinto da Costa, também os administradores Adelino Caldeira, Fernando Gomes, Reinaldo Teles, José Américo Amorim e Rui Vieira de Sá foram constituídos arguidos pelo mesmo crime. Também Francisco J. Marques, diretor de comunicação do FC Porto, é ainda arguido pelo crime de violação de correspondência.

A Benfica SAD diz ter sofrido prejuízos de milhões de euros na sequência da divulgação dos mails. O Tribunal da Relação do Porto proibiu entretanto o Porto Canal de divulgar os referidos conteúdos obtidos ilicitamente.

Quantos quilómetros são do Porto a Vigo?

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.