Chamada telefónica entre Vieira e Boaventura revela proposta do Everton por Rui Vitória

Foi colocada no YouTube uma conversa telefónica em que Luís Filipe Vieira, presidente do Benfica, e César Boaventura, empresário próximo das águias, falam sobre a possível ‘colocação’ de Rui Vitória, treinador dos encarnados, num clube estrangeiro.

Os nomes do Watford e de Marco Silva são mencionados na conversa, ficando a sensação que a ideia de Vieira e Boaventura é tentarem que o Everton contrate Rui Vitória, depois de ter despedido Ronald Koeman, em finais de outubro de 2017, falhado o ‘assalto’ a Marco Silva, que estava então no Watford. Entre outros pormenores, Vieira diz que Rui Vitória pode sair por um valor inferior à cláusula de rescisão, que é de 15 milhões de euros, sendo avançado o número de 10 milhões de euros. Vieira diz ainda a Boaventura que é importante passar a ideia que o líder do Benfica nada sabe sobre o assunto.

Recorde-se que Marco Silva, atual treinador do Everton, desde o verão, deixou o Watford em janeiro deste ano, o que significa que a escuta é anterior a esse momento. tem alguns meses, remetendo, pelas datas, para os finais de 2017 ou inícios de 2018.

Em reação às escutas que foram colocadas no Youtube, onde surgem Luís Filipe Vieira e César Boaventura em conversa sobre a possível venda de Rui Vitória à data de outubro de 2017, o empresário confirmou na integra o diálogo com o presidente das águias, mas desmentiu as intenções do mesmo em vender o técnico para o Everton.

«A conversa é cem por cento real, mas as pessoas estão a tentar contextualizá-la da maneira como querem. O próprio presidente refere na conversa que não ia vender Rui Vitoria barato. Perguntei quanto é que queria, ao qual Luís Filipe Vieira afirmou que não se queria desfazer do treinador, e só o deixava sair se o salário fosse vantajoso para Rui Vitória em relação ao que ganhava no Benfica», afirmou César Boaventura em declarações à TVI 24, que deu conta de uma proposta verbal por parte do emblema inglês.

«Apresentei uma proposta verbal de sete milhões de euros pelo treinador, valores que o presidente do Benfica recusou prontamente, afirmando que não o vendia por menos de 10 milhões de euros. Luís Filipe Vieira não quis vender o treinador, e afirmou por diversas vezes que só aceitaria a sua saída caso fosse realmente aliciante para Rui Vitória em termos financeiros», explicou, acrescentando que tanto Rui Vitória como o seu empresário estariam a par das negociações apalavradas entre Benfica e Everton.

César Boaventura esclareceu ainda que a conversa telefónica com Luís Filipe Vieira aconteceu em dezembro de 2017 e que Rui Vitória estava a par de tudo.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.