“Trabalho e sorte” são o segredo para o bom momento de Seferovic

32680800_770x433_acf_cropped«Trabalho. E sorte.» – Assim justificou Seferovic o bom momento que atravessa no Benfica, numa reportagem publicada esta quarta-feira pelo jornal suíço Blick.

A reportagem versou o reencontro do avançado com Karin Hug, espécie de mãe adotiva de Seferovic, que deixou a casa dos pais em 2007 para jogar no Grasshoppers. Tinha, então, 17 anos; e Karin foi sua mentora.

Neste reencontro, que aconteceu no estágio da seleção da Suíça para o jogo particular com a Bélgica na sexta-feira, o avançado contou ainda a Karin Hug: «O clube é ótimo e o tempo em Lisboa é excelente. Agora está tudo a correr bem novamente.»

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.