Empate dos Sub-23 em Portimão suficiente para manter a liderança

Benfica e Portimonense empataram a duas bolas, este sábado, no Estádio Municipal de Portimão, em jogo da 8.ª jornada da Liga Revelação. Depois de terem estado duas vezes em vantagem, os encarnados saem do Algarve com um ponto.

Grande início de jogo – com uma bola ao ferro do capitão do Benfica, Diogo Pinto – a antever uma primeira parte extraordinária.

Logo aos 5‘, canto curto, bem batido por Jair Tavares, com Tiago Gouveia a assistir Miguel Nóbrega – ao segundo poste – que cabeceou para o 1-0.

Após uma jogada brilhante do ataque dos encarnados – que iam tomando conta do jogo –, Mesaque Dju teve o segundo golo nos pés, mas atirou por cima, aos 32’. O Benfica podia ter chegado ao segundo e ao terceiro não fosse a qualidade defensiva do Portimonense.

A resposta chegou aos 33’. A formação de Portimão colocou-se dentro do jogo e chegou ao empate. À boca da baliza, Pepê não falhou e os jogadores recolheram aos balneários com uma igualdade (1-1).

No segundo tempo, foi novamente o Benfica quem se adiantou no marcador. Jair Tavares, aos 50’, de pé esquerdo, atirou para o 2-1. Domínio, controlo de bola, enquadramento com a baliza… não faltou nada ao avançado de 17 anos.

O Portimonense aproveitou um canto cobrado por Rafael Barbosa, aos 75’, e Clóvis, de cabeça, voltou a equilibrar a balança. Um 2-2 que permaneceu até ao final do encontro que terminou com Frimpong a ver o segundo cartão amarelo e a deixar, durante dois minutos, o Benfica reduzido a 10 elementos.

Na próxima jornada (9.ª), o Benfica – que soma agora 17 pontos em 7 jornadas – recebe o Rio Ave no Campo n.º 1 do Caixa Futebol Campus. O desafio está agendado para as 16h00 do dia 6 de outubro (sábado).

João Tralhão

“Podíamos ter saído daqui com a vitória”

João Tralhão: “Um jogo com várias histórias. Entrámos muito bem, muito mais fortes do que o Portimonense. Marcámos, tivemos várias oportunidades, podíamos ter feito, o dois, o três, o quatro a zero… Mas defrontámos uma equipa forte, que joga no erro e nós tivemos alguma dificuldade em controlar a última linha ofensiva deles. Tornámos a entrar bem na segunda parte, e eles acabaram por ser felizes ao fazer o empate num canto. Podíamos ter feito o 2-3… Mas, acima de tudo, parabéns a estes jovens! Fizeram um jogo magnífico, frente a uma equipa dificílima, e estes miúdos mostraram não têm idade, têm talento, e podíamos ter saído daqui com a vitória.”

Diogo Pinto: “Foi um jogo equilibrado, mas há que salientar o esforço da nossa equipa. Estivemos por cima na maior parte do jogo. Tentámos jogar o nosso futebol e quando assim é não importa as idades. Queríamos muito ganhar, mas não fomos felizes, e agora é trabalhar para ir buscar os três pontos no próximo jogo.”

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.