“Percebia-se que era (João Félix) um jogador distinto dos restantes”

DnzWtIUWsAASsjRFoi no FC Porto que João Félix iniciou o percurso como futebolista. Diz quem com ele trabalhou em tenra idade que o talento era evidente e fazia da nova coqueluche do Benfica um jogador distinto dos demais.

«Apanhei o João Félix ainda numa fase muito precoce, com 14 anos», refere Bino, treinador de João Félix nos iniciados do FC Porto, em declarações à Renascença.

«O talento estava lá, com uma grande capacidade técnica que tinha. Percebia-se que era um jogador distinto dos restantes. Por ser tão novo e pelo entendimento do jogo e do que fazer com bola nos vários momentos, tinha sempre uma solução», recorda, convicto de que o jovem de 18 anos «tem tudo para se afirmar como um grande jogador, não só no Benfica, como também atingir outros patamares e chegar à Seleção Nacional.»

«É tudo fruto do trabalho dele e de quem apostou nas suas qualidades. O mérito principal será sempre dele e Rui Vitória frisou que agora é importante não adormecer à sombra da bananeira», salienta Bino, em alusão às palavras do treinador das águias no final do jogo com o Aves.

«O jogo correu bem, está a ser elogiado mas, agora, tem de continuar a trabalhar no máximo», sublinha.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.