Benfica estreia com 28-0 sobre o Ponte Frielas no Campeonato Nacional feminino

O Benfica entrou com o pé direito em 2018/19 e acabou por cilindrar a União Desportiva Ponte de Frielas por uns fantásticos 28-0, no Estádio da Tapadinha, em jogo da 1.ª jornada do Campeonato Nacional II Divisão. Um resultado que fica para a história.

Com o Presidente Luís Filipe Viera nas bancadas – que ainda antes do início da partida fez questão de ir cumprimentar jogadoras e equipa técnica ao balneário –, o primeiro aviso chegou cedo. Logo no minuto inaugural de jogo, Darlene teve nos pés o primeiro golo da tarde. A avançada brasileira não conseguiu enquadrar-se com o alvo no momento da finalização, mas o remate já fazia adivinhar o que aí vinha…

Depois de duas ameaças, o golo. Com dois minutos jogados apenas, Evy Pereira recebeu no interior da grande área e rematou rasteiro para o lado esquerdo da guarda-redes adversária, Liliana Roriz. A partir daí quase não houve tempo para respirar e aos 10’ já tinham sido marcados quatro golos. O intervalo chegou com uma vantagem de 16-0 para a formação de João Marques, que na segunda parte marcou então mais 12 (!) golos.

A abrir o segundo tempo (46’), foi Jassie Vasconcelos a aumentar a contagem. De pé esquerdo, no primeiro grande lance de perigo dos segundos 45 minutos, a avançada portuguesa rematou para o 17-0. Dominadora e sedenta de golos, a formação encarnada – que tem como assumido objetivo a subida de Divisão – não deu tréguas. A UD Ponte de Frielas, completamente desgastada, ia tentando sacudir como podia a constante pressão do Benfica que, apesar da enorme vantagem, não desacelerou.

Benfica-UD Ponte de Frielas

Em plano de destaque esteve a internacional brasileira Darlene, com um total de oito golos marcados, e Geyse, outra internacional canarinha, com cinco. Os outros 15 ficaram a cargo de Evy Pereira (4), Maiara (3), Pauleta (2), Carlota Cristo (2), Ana Alice (2), Patrícia Llanos e Jassie Vasconcelos.

Uma estreia avassaladora, mas também histórica… O Benfica conseguiu, com este volumoso resultado, um novo máximo nacional no futebol sénior em Portugal, que pertencia ao Sporting (21-0 na Taça de Portugal, em 1971).

Na próxima jornada (23 de setembro, às 15h00), a formação de João Marques desloca-se à Marinha Grande para encontrar o Grupo Desportivo Os Vidreiros.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.