Rúben Dias renova até 2023 e fica com cláusula de 70 milhões

Rúben Dias renovou contrato com o Sport Lisboa e Benfica. O novo vínculo, acertado com o Presidente Luís Filipe Vieira, é agora válido até 2023.

Formalizada a extensão do contrato, Rúben Dias foi ao passado e voltou, revivendo os seus 10 anos de Benfica, quase todos passados no Caixa Futebol Campus. O central olhou também para o presente e futuro próximo, em declarações exclusivas.

“O meu sentimento é de satisfação, gratidão e felicidade, minha e dos familiares mais próximos. Atingi um marco muito bom com este Clube. A minha vontade é de querer ser melhor, continuar a aprender, não estar satisfeito com o que já tenho“, afirmou Rúben Dias.

“Sem a confiança e o apoio crucial que vem de cima, tudo teria sido mais difícil. Expresso a minha gratidão pelo Presidente e por todos os treinadores e diretores que ajudaram a que isto fosse possível“, realçou o central, que elege a palavra “felicidade” para ilustrar o tempo que leva de águia ao peito.

Em 2008, depois de duas épocas no Estrela da Amadora (o clube da cidade onde nasceu), Rúben Dias experimentou pela primeira vez a sensação de vestir a camisola oficial do Benfica, iniciando o seu percurso nos escalões de Formação das águias. Fez-se notar logo pela vontade de se aperfeiçoar no dia a dia e, com trabalho, aproveitar e explorar todo o potencial que lhe era reconhecido no papel de defesa-central.

Época após época, Rúben Dias foi progredindo e impondo-se como um jogador modelar. Também por esse motivo foi conduzido à responsabilidade de capitão de equipa em todos os patamares da Formação do Benfica, sendo hoje em dia um dos rostos da fábrica de talentos denominada Caixa Futebol Campus, no Seixal.

Rúben Dias

Campeão Nacional de Iniciados em 2012 e de Juvenis em 2013, Rúben Dias cresceu no Benfica e esse desenvolvimento teve expressão paralela: começou a torna-se presença regular nas seleções jovens nacionais. Foi internacional Sub-16 (cinco jogos), Sub-17 (18), Sub-19 (21), Sub-20 (15) e Sub-21 (4).

Na época 2015/16 subiu à equipa B e principiou uma nova etapa na sua caminhada, competindo no segundo escalão do futebol profissional, um espaço de valorização, reconhecimento e também de imposição para novos e ambiciosos voos. Nessa temporada, Rúben Dias participou em 27 desafios e marcou um golo.

A taxa de utilização no Benfica B aumentou em 2016/17: o jovem central foi chamado a alinhar em 31 jornadas da II Liga.

Rúben Dias

A promoção ao plantel principal das águias aconteceu no defeso de 2017/18. A Liga NOS teve início em agosto e, no mês seguinte, mais precisamente a 16 de setembro de 2017, já Rúben Dias se estreava oficialmente no escalão máximo do Benfica e do futebol nacional: foi na visita ao Boavista, no Estádio do Bessa. Nesse encontro, o central alinhou ao lado do capitão Luisão.

Somando as participações em todas as frentes competitivas em que interveio (Liga NOS, Taça de Portugal, Liga dos Campeões e Taça da Liga), Rúben Dias finalizou a temporada com 30 jogos pela equipa principal das águias no currículo.

A principal missão de um central em campo é impedir que os atacantes adversários belisquem a baliza que protege, mas subir à área contrária e procurar fazer golos, nomeadamente em lances de bola parada (cantos, livres ou arremessos laterais), também faz parte do cardápio de tarefas. Neste capítulo, Rúben Dias não pediu licença e em 29 de dezembro de 2017 marcou o primeiro golo pelos encarnados. A estreia ocorreu no Estádio do Bonfim, perante o V. Setúbal, na Taça da Liga.

Rúben Dias

No dia 3 de fevereiro de 2018, Rúben Dias foi protagonista de outra novidade curricular: no Estádio da Luz, perante 53 828 espectadores, o defesa marcou um dos golos de contribuíram para o triunfo sobre o Rio Ave (5-1). Terminaria a temporada com quatro golos faturados.

Como consequência do desempenho num ano de revelação e gradual afirmação, Rúben Dias foi incluído pelo selecionador nacional Fernando Santos no lote de 23 jogadores escolhidos para representar Portugal no Mundial 2018. Antes de seguir viagem para a Rússia, país responsável pela organização daquela edição da prova, o central somou a primeira internacionalização A, num particular com a Tunísia, em Braga.

“As coisas aconteceram naturalmente. Fiz o meu, cumpri o meu dever, superei-me quando tinha de superar. Apesar de não termos sido campeões, foi uma época muito positiva para mim. Há que querer mais e quebrar barreiras. O caminho é para a frente”, comentou Rúben Dias em declarações exclusivas, após renovar contrato nesta quarta-feira.

Rúben Dias

O central fez uma breve análise aos primeiros jogos oficiais do Benfica em 2018/19. “Temos conseguido bons resultados. É uma altura complicada porque este acesso à Liga dos Campeões provoca muito desgaste, mas estamos aqui prontos para a guerra e tudo vamos fazer para alcançar um dos grandes objetivos na época, que é a presença na Champions. Estamos na luta e [na próxima quarta-feira] vamos à Grécia lutar, mas agora temos de nos focar no jogo de sábado [frente ao Sporting] e ganhar”, indicou o camisola 6.

Às 19h00 de sábado, no Estádio da Luz, as águias defrontam o rival Sporting na 3.ª jornada da Liga NOS. “Temos de recuperar bem fisicamente, porque a equipa está a jogar bem, estamos com muitas soluções. O Sporting é um adversário difícil e vamos ter de encarar o jogo de forma muito séria“, antecipou Rúben Dias.

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.