Rui Vitória: “Representar o Benfica é exigência permanente”

Sport Lisboa e Benfica e PAOK medem forças na 1.ª mão do play-off da Champions. A partida tem o pontapé inicial marcado para as 20h00, no Estádio da Luz, e Rui Vitória já anteviu a mesma.

Em Conferência de Imprensa, o treinador das águias mostrou que o adversário está bem estudado, tem qualidade, e que o Benfica será uma equipa focada e determinada, impondo o seu jogo.

De que forma o Benfica olha para este desafio e sente a responsabilidade de ter chegado a este play-off e querer continuar em frente na competição?

Olhamos para este jogo com a convicção, a exigência e a importância que todos os jogos nos impõem. Este será o quinto jogo desde que estamos a competir oficialmente e temos a perfeita noção de que é um jogo que queríamos jogar, queríamos aqui chegar e temos essa exigência. Mas jogar no Benfica, representar o Benfica é exigência permanente e dar resposta, independentemente das circunstâncias e a tudo aquilo que nos aparece pela frente. Amanhã vamos ter um adversário dificílimo, que já ultrapassou duas equipas de qualidade, um adversário que ainda não está a competir no seu Campeonato e neste momento só está a competir para a Liga de Campeões.

O PAOK eliminou o Basileia e o Spartak de Moscovo e acredita também em bater o pé e disputar esta eliminatória com o Benfica. É importante perceber que do outro lado está uma equipa com qualidade, que tem esta vontade e esta convicção e nós temos de preparar da melhor forma este jogo, sabendo as dificuldades que o adversário nos vai criar e depois, sim, o mais importante. Termos a capacidade de impor o nosso jogo, a nossa forma de jogar e aproveitar o facto de jogarmos em casa, no nosso Estádio, que é sempre um motivo de maior motivação para nós, pois temos aquele apoio que vem das bancadas e que também é fundamental.

Falou-se muito do valor das equipas que o Benfica teria de defrontar. Olhando para o PAOK, considera que esta é uma equipa mais forte ou menos forte do que o Fenerbahçe?

Nós temos a noção clara, e é bom que isto fique claro para toda a gente, que hoje em dia, ao nível da alta competição, e tendo em conta aquilo que foi o passado recente desta equipa – eliminou o Basileia, com uma vitória por 3-0 na Suíça, e empatou na casa do Spartak de Moscovo 0-0, aqui em circunstâncias um bocadinho especiais porque o Spartak acaba por perder um jogador aos 31 minutos – vamos defrontar um bom adversário.

Da minha boca e da minha gente, não vão ouvir, porque ninguém tem esse pensamento, que o PAOK é mais fraco do que o Fenerbahçe. Temos a noção de que estamos a defrontar um bom adversário, com qualidade.

Estamos a falar de uma linha de quatro defesas que vai jogar amanhã e que tem toda 30 anos; dois médios-centros, um que já jogou no Campeonato espanhol e outro esteve há dois anos no Zenit; um ponta de lança com 1.91m, com grande qualidade e que faz golos com muita facilidade; o Pelkas, internacional da Grécia, de muita qualidade, que joga por detrás deste avançado e tem grande mobilidade… A dúvida estará na ala esquerda, uma vez que o El Kaddouri não veio e tem jogado com regularidade.

Estamos a falar de uma equipa com jogadores experientes e maduros. Estas são as características do adversário, agora, nós temos a noção que estamos num bom momento, estamos a evoluir como equipa de forma significativa, acreditamos muito em nós e naquilo que estamos a fazer!

Rui Vitória

Fernando Varela disse que amanhã era 50/50 de favoritismo para cada uma das equipas… Um jogador sueco recentemente contratado pelo PAOK disse que o Benfica já não é uma equipa de topo… Sente que a equipa grega está a desvalorizar este Benfica?

O Benfica foi Campeão da Europa duas vezes na década de 60 e já esteve em várias finais das competições europeias! Registamos, porque ouvimos, mas não perdemos o sono com isso. Isto é alta competição e aqui temos de nos preocupar com todos os pormenores que podemos controlar. Do outro lado está uma equipa com ambição, deste lado, não precisamos de apregoar… Temos de estar muito concentrados, determinados, temos de impor o nosso jogo, temos de criar problemas ao adversário, tirar-lhes as referências. Esse é o nosso foco!

Este é um jogo que tem de ser disputado de forma determinada, onde os pormenores, os detalhes, a qualidade individual e coletiva podem fazer a diferença.

A conquista do Campeonato Nacional é sempre o grande objetivo do Benfica. Entrar na Fase de Grupos da Liga dos Campeões é o segundo?

É o próximo obstáculo que vamos ter. Até ao dia 2 de setembro tínhamos oito jogos seguidinhos e jogos de variadíssima exigência e contexto, Liga dos Campeões, Campeonato, fora, casa, jogos difíceis. Se nos vamos estar a focar e antecipar cenários… esse não é o caminho correto. O objetivo é jogo a jogo, passo a passo, ganhar amanhã, passar a eliminatória e entrar na Fase de Grupos. Daqui a três dias o objetivo será ganhar ao Sporting.

André Almeida falhou o treino desta manhã. Conta com o jogador para o jogo de amanhã?

André Almeida teve uma indisposição, mas vai estar convocado. Não esteve no treino, mas estamos em crer que vai recuperar para o jogo.

Rui Vitória

O Benfica tem um novo reforço: Corchia. Já conhecia? O que pode acrescentar ao plantel?

Evidentemente que conhecia, está cá e tinha de o conhecer obviamente. O que pode acrescentar? Para já, é uma alternativa como lateral direito, uma vez que face à infelicidade do Tyronne ficámos mais limitados nessa posição. Isso não quer dizer que agora os que cá estão já não prestam, nem têm valor. Não é isso que se trata, ninguém pensa isso, trata-se sim de uma época muito longa e, portanto, temos de ter sempre alternativas. O Corchia tem uma maturidade muito boa, fez belíssimos campeonatos em França, que chega com capacidades, se for necessário, entrar já na equipa, mas isso não invalida o trabalho do André e esperamos que amanhã esteja bem e possa jogar. A equipa está a funcionar, está lá, e quem vem, vem como alternativa para o plantel

Como estão as situações clínicas de Jonas e Castillo?

Jonas e Castillo não estarão amanhã.

Ferreyra marcou no Bessa, ouvimos elogios seus às suas movimentações… acredita que pode marcar amanhã e marcar assim a diferença e marcar na Liga dos Campeões?

Obviamente que acreditamos! Os avançados acreditam e vivem disso. Os golos têm aparecido de várias formas, de variadíssimos lados, de diversos jogadores. O que importa é que a bola entre e nós temos tido dinâmicas tão interessantes no jogo que permite que vários jogadores finalizem. O Ferreyra terá o seu processo natural, é um jogador de qualidade e vai fazer golos de forma natural.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.