Primeira jornada da fase grupos do Mundial chega ao fim

treino-grupo-newFechada a 1.ª jornada dos Grupos B, D e E do Mundial 2018, aproximam-se momentos de decisões. Portugal, Argentina, Nigéria, Sérvia e Suíça, seleções com atletas do Benfica nas suas fileiras, tiveram sortes diferentes na respetiva estreia e, agora, já se prepara a 2.ª ronda da competição.

Rúben Dias

Portugal, de Rúben Dias, tem em curso a operação Marrocos! Depois do empate a três bolas perante a Espanha, todas as atenções estão centradas no duelo com a formação marroquina, no Grupo B.

Portugal realizou o habitual treino matinal nesta manhã de segunda-feira, em Kratovo, com os 23 atletas a subirem ao relvado e a darem o litro, tudo isto num dia em que a temperatura máxima rondou os 28 graus. Nos 15 minutos abertos à Imprensa pôde assistir-se a muito trabalho com bola, exercícios variados e muita intensidade física. Concentração total rumo aos desejados três pontos.

Antes do apronto, André Silva foi a voz do coletivo, na conferência de Imprensa onde já se anteviu o jogo da 2.ª ronda da prova.

“Como perdeu o primeiro jogo, Marrocos irá dar tudo. Não têm outra solução, vão ter de jogar o máximo para vencer. Na fase de qualificação não sofreram nenhum golo e neste encontro com o Irão o resultado podia ter sido diferente. Acredito que o encontro poderá ser de máxima dificuldade, no entanto esperamos que Portugal saia do desafio a sorrir”, disse o avançado aos jornalistas.

“Penso que o que temos de fazer é confiar em nós e no nosso trabalho. Apesar das dificuldades, vamos encontrar um jeito”, acrescentou.

Terça-feira, às 9h00, há novo treino matinal no quartel-general em Kratovo, com a armada lusitana a viajar para Moscovo nesse mesmo dia, de onde regressará somente após o final do desafio. Pelas 17h15 terá lugar a conferência de Imprensa de antevisão à partida, sendo que Portugal abdicou do treino de adaptação ao recinto.

Portugal e Marrocos têm encontro marcado para as 13h00 de quarta-feira, no Estádio Luzhniki.

Salvio

Ainda se digere o empate a uma bola frente à Islândia… A Argentina de Salvio (foi titular e alinhou os 90 minutos) não começou como desejava, mas há que olhar em frente.

Ora, pela frente vem aí a Croácia, que na estreia bateu a Nigéria de Ebuehi, e está agora na liderança do Grupo D. Esta partida esta marcada para as 19h00 de quinta-feira no Estádio Nizhny Novgorod.

Com este desafio em mente, depois do regresso a Bronnitsy e da recuperação dos atletas num treino mais específico, a alviceleste voltou ao trabalho ao final da tarde desta segunda-feira, abrindo os 15 minutos finais à Imprensa e com dois jogadores a falarem aos jornalistas.

Quem também se expressou foi Kun Aguero… O autor do único golo das Pampas na prova foi taxativo no seu Twitter Oficial: “Merecíamos mais, mas não aconteceu. Levantar a cabeça e seguir na luta.”

Nigeria

Também no Grupo D o arranque não correu bem à seleção nigeriana. Frente à Croácia, derrota por 2-0, com Ebuehi a ser suplente não utilizado.

O plantel às ordens de Gernot Rohr regressou à base, a Essentuki, e nem a chuva e o frio esmoreceram a ambição das Super Águias. Etebo Karo foi bem explícito: “Só depende de nós manter a cabeça erguida e focar no próximo jogo”, escreveu o jogador na sua conta pessoal no Twitter.

Foco e ação! Os jogadores não utilizados na estreia realizaram um apronto na noite de domingo, com o plantel – na sua totalidade – a regressar aos trabalhos nesta segunda-feira.

Segundo o Owngoalnigeria.com, existe alguma contestação no seio do grupo, com vários jogadores a questionarem as opções e a tática utilizada pelo técnico nacional na estreia. Não são avançados nomes, porque os mesmos têm pedido anonimato…

A Nigéria torna a entrar em campo no dia 22 de junho, sexta-feira, perante a congénere islandesa (arrancou um empate à Argentina na estreia), uma partida com início às 16h00 na Arena Volgogrado… E só há um caminho, a vitória!

Zivkovic e Seferovic

Sérvia de Zivkovic e Suíça de Seferovic tiveram uma entrada positiva na maior competição de futebol a nível mundial. Os primeiros venceram, os segundos empataram o gigante Brasil no Grupo E.

A Sérvia venceu a Costa Rica, por 1-0, com um golo de Kolarov, com o benfiquista Zivkovic – partiu um dedo da mão – a ser suplente não utilizado por Mladen Krstajic, situação idêntica a Luka Jovic, avançado emprestado pelas águias ao Eintracht Frankfurt.

A seleção sérvia regressou ao seu quartel-general na região de Kaliningrado, em Svetlogorsk, e já prepara a 2.ª jornada.

Servia

A Suíça protagonizou uma das surpresas do arranque do Mundial, ao empatar com o Brasil a uma bola, com os golos a terem assinatura de Coutinho (20’) e Steven Zuber (50’). Seferovic, a titular, foi a referência na frente, trabalhou muito sem bola e, já esgotado, foi substituído por Emboló a dez minutos dos 90.

A seleção helvética regressou, entretanto, a Togliatti, base escolhida para reagrupar tropas durante a competição, e já se olha para a ronda seguinte.

É que na próxima jornada vai haver duelo entre águias! Sérvia e Suíça medem forças no dia 22 de junho, às 19h00 de sexta-feira, no Estádio Kaliningrado. Duelo entre Zivkovic e Seferovic

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.