Jonas trabalha nas férias para evitar lesões durante a época

Jonas não pára nem nas férias. Se é verdade que atualmente é habitual os jogadores fazerem trabalho físico durante a pausa entre temporadas, o camisola 10 da Luz prepara-se no duro para chegar à Luz em condições e sem acusar os problemas na coluna que o afetaram em 2017/18, nomeadamente no final da época, na qual falhou vários jogos. De tal forma que o avançado trabalha uma média de cinco horas por dia para não se ressentir no regresso à competição.

“Está a fazer um trabalho de fortalecimento da coluna, onde já teve alguns pequenos problemas. Está a fazer uma recuperação para não ficar parado nas férias e para depois não acusar o desgaste das férias”, esclarece Joaquim Grava, chefe do departamento médico do Corinthians, que está a supervisionar o processo, realizado nas instalações do clube paulista e atual campeão brasileiro, e frisando que Jonas não tem facilitado no sentido de entrar em 2018/19 a todo o gás, até fruto da nova concorrência que se prepara para enfrentar, face às contratações de Ferreyra e Castillo, novas opções de Rui Vitória para o ataque. “Não é apenas uma coisa ligeira, ele trabalha de manhã e à tarde, faz cerca de cinco horas por dia para estar bem fisicamente”, diz Joaquim Grava, acrescentando que após um pequeno período de maior relaxe, durante os próximos dias, tudo vai voltar a níveis mais elevados na semana antes de se apresentar às ordens de Rui Vitória. “Ele já tem estado a trabalhar há algum tempo com este plano, agora na próxima semana vai ter alguns dias de férias, pois vai para fora, e depois termina o tratamento até voltar a Portugal”, assegura o clínico brasileiro, que foi “procurado por Jonas” para realizar esta preparação fruto de uma relação de conhecimento já com alguns anos.

Apesar de Jonas ter sentido problemas físicos na última época, o médico do Corinthians garante que “os adeptos não têm motivo para preocupações”. “Podem ficar tranquilos, ele vai voltar bem e em força, pronto para marcar muitos golos”, atira, explicando o porquê deste trabalho nas férias. “Se estivesse muito tempo parado poderia, no regresso, sentir alguns problemas na coluna, mas agora, fazendo manutenção e este programa de fortalecimento, vai voltar a cem por cento para Portugal”, afirma.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.