Empate no Dragão Caixa deixa Benfica dependente de si para recuperar título

O Benfica empatou este sábado o clássico com o FC Porto, por 7-7, no Dragão Caixa, num jogo em que ambas as equipas disputaram a vitória até ao último segundo.

Os dragões abriram o marcador aos 7 minutos, com um golo de Hélder Nunes e Gonçalo Alves aumentou o marcador no minuto seguinte. Aos 10′ Nicolia ainda reduziu para o Benfica, mas Rafa voltou a colocar o FC Porto em vantagem ao marcar aos 19 minutos de jogo.

A chuva de golos chegou já depois do intervalo, quando aos 31 minutos Valter Neves marca e Jordi Adroher empata no mesmo minuto para o Benfica. Miguel Rocha dá a volta ao resultado, aos 35 minutos, mas Hélder Nunes (39′) com um golo de baliza a baliza empata de novo para os dragões.

Um minuto depois Valter Neves volta a marcar e a colocar o Benfica em vantagem no marcador, mas Gonçalo Alves (42′) na recarga de um penálti atira para o fundo da baliza dos encarnados. Aos 43 minutos, Jordi Adroher volta a marcar e a colocar o Benfica à frente, mas no mesmo minuto Hélder Nunes empata para o FC Porto.

Os últimos golos surgiram quase no final da partida, com Jorge Silva (48′) a colocar o FC Porto em vantagem no marcador por apenas um minuto, até João Rodrigues empatar a partida.

Com este resultado, o Sporting passa para a frente da tabela classificativa, com 62 pontos, seguido do Benfica e FC Porto, com 61.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.