Benfica deixa fugir 7ª Supertaça consecutiva no Voleibol

Benfica-Sp. EspinhoEmoções ao rubro no Pavilhão Municipal de Almada com a disputa da Supertaça em Voleibol. Frente a frente o Sport Lisboa e Benfica, Campeão Nacional, e o SC Espinho, vencedor da Taça de Portugal, na luta pelo primeiro troféu oficial da temporada 2017/18.

Entrada poderosa das águias, plena de raça e ambição, com o set inicial a fechar num 25-19… e a perspetivar uma noite feliz para os encarnados! Mas do outro lado estava uma equipa decidida a não facilitar e a olhar bem diretamente nos olhos o Glorioso. Ora, posto isto, resposta pronta… e que resposta.

A formação da Costa Verde, na luta por um troféu (que acabaria mesmo por ser o 5.º do palmarés) conquistado a última vez em 1999/2000, entrou com tudo e deu mesmo a volta ao jogo, vencendo os dois sets seguintes por 22-25 e 23-25, respetivamente.

Do outro lado, o Benfica reergueu-se e, num 4.º set emocionante e disputado ponto a ponto até à ultima, empatou a contenda e triunfou já nas vantagens com um 31-29.

Na negra, imprópria para cardíacos e com os nervos à flor da pele, os pormenores foram decisivos e acabaram por decidir. Vitória para o SC Espinho, que fechou o set e o jogo com um 11-15 e respetivo 2-3 final.

Com este resultado, o Benfica deixou fugir o 7.º troféu consecutivo e o 8.º do palmarés.

José Jardim fez alinhar a seguinte formação inicial: André Lopes, Hugo Gaspar, Miroslav Gradinarov, Filip Cveticanin, Zelão, Tiago Violas e Ivo Casas.

O Campeonato Nacional arranca no próximo fim de semana.

 

Leave a Reply