Dérbi número 300 em quase 110 anos de rivalidade

56d74f690cf221dcc3d03d0dSporting-Benfica em Alvalade, jogo 300 entre os rivais desde 1 de dezembro de 1907. São quase 110 anos de dérbi e este será o 147º que será disputado em casa dos leões. Nas contas apenas da Liga, as águias podem igualar o número de vitórias dos verdes e brancos. Para além de toda a implicação nas contas do presente campeonato, esse é um dos dados estatisticamente relevantes que podem sair do próximo encontro.

O dérbi é um jogo especial. E que o torna especial são os golos. Essa festa momentânea que há no futebol e que é muito, mas muito provável que surja no José Alvalade, neste sábado.

Vamos para 300 partidas de rivalidade

Ao todo, de 1 de Dezembro de 1907 até à atualidade, realizaram-se 299 jogos oficiais entre Sporting e Benfica. Para esta contabilidade, considera-se apenas os encontros relativos a seis competições: Campeonato de Lisboa, Campeonato de Portugal, Liga, Taça de Portugal, Supertaça e Taça da Liga.

De fora, ficam os encontros de âmbito particular, os torneios de Verão, e os jogos relativos à Taça de Honra da AF Lisboa, entre diversas outras competições de reduzida expressão nacional.

Contabiliza-se, no entanto, o jogo de 16 de Abril de 1911, referente ao Campeonato de Lisboa, que foi interrompido devido a incidentes entre os adeptos. A Associação de Futebol de Lisboa ordenou a repetição do encontro e viria a atribuir a vitória aos encarnados por falta de comparência dos leões.

Em contrapartida, não é incluído nesta lista o jogo realizado no estádio do Restelo, em Maio de 1995. A FPF entendera repetir o Benfica-Sporting da 30ª jornada da Liga, que terminara com a vitória dos leões por 2-1: posteriormente a FIFA anulou esta decisão da FPF, determinando a validade do primeiro encontro, o que «risca» a partida do Restelo da História.

No que diz respeito ao dérbi em terreno leonino, disputaram-se 146 partidas. O Sporting venceu 75, o Benfica 42. No campeonato, porém, os encarnados equilibram as contas: 31 triunfos para os da Luz, 32 para o leão.

Em quase 110 anos quantos 0-0 há? 

O dérbi tem golos. Normalmente tem golos. Em 110 anos de História comum, Sporting e Benfica só se anularam mutuamente em 15 vezes. Um número impressionante em 299 encontros.

O último que houve, por exemplo, já aconteceu há praticamente oito anos. Foi o primeiro dérbi de Jorge Jesus, na altura do lado encarnado, com Carlos Carvalhal no banco oposto.

Um 0-0 que ficou lembrado pela mudança que Jesus efetuou ainda na primeira parte e que travou o ímpeto do Sporting: Pablo Aimar passou para a ala direita do 4x4x2 e Ramires passou para o meio, para dar consistência à equipa.

De resto, apenas por uma vez em toda a História o dérbi teve dois nulos na mesma temporada. Sucedeu na época de 1968/69.

Goleadas? Está 30-21

Volta e meia, há goleada no dérbi. Ou, dito de outra forma, há uma diferença de pelo menos três golos para uma das equipas. Dos 299 encontros, 51 terminaram desse modo.

A diferença está em 30 para o Benfica, 21 para o Sporting. Como é sabido, o leão tem a maior goleada do dérbi: os 7-1 de 1986/87. Essa é a derrota mais pesada da história do Benfica no campeonato.

O resultado mais dilatado que as águias conseguiram foi o 7-2 de 1945/46, a mesma diferença de golos em três 5-0 aplicados ao leão.

A maior festa do golo em Portugal

São quase mil, mas ainda vai demorar algum tempo a chegar lá. Há 967 golos apontados em toda a história de um jogo que é a maior festa do golo no país. O clássico Benfica-FC Porto tem média de 3,03 golos/jogo, o Sporting-FC Porto uma de 2,8.

A uma média de 3,23 golos por partida, o dérbi já teve 29 encontros em que se marcaram pelo menos seis. Ou seja, praticamente o dobro da média.

A década de 40 foi pródiga em partidas do género. Houve 10 dérbis que terminaram com pelo menos seis golos.

O jogo que enche de emoção leões e águias já teve, neste século, três eliminatórias da Taça de Portugal que originaram um festival de golos: 3-3, 5-3 e 4-3.

Um nulo em Alvalade é sempre possível, mas independentemente da década, do momento, das estratégias e até dos protagonistas será uma raridade se ele aparecer.

Leave a Reply