Rui Gomes da Silva questiona presença de Marta Soares em locais anormais para convidados

2015-09-15-h264_thumb3_sec_90-png-1Rui Gomes da Silva afirmou esta segunda-feira não perceber como é que Jaime Marta Soares entrou no Estádio da Luz por uma porta ‘normal’ para assistir ao Portugal-Hungria, ao invés de aceder ao recinto pela garagem, como é normal nos convidados.

“Diz-me a experiência que quem é convidado para o Estádio da Luz tem entrada pela garagem, com toda a segurança. Estranho é que alguém tenha entrado sem ser pela garagem. Faço aqui um apelo para que me expliquem como é que o presidente da Mesa da Assembleia Geral do Sporting entrou sem ser pela garagem. É uma situação inexplicável. Querem criar fricção através de estratégias indiretas, até de pessoas que não são dos clubes, para os jogos que aí vêm”, referoi o antigo vice-presidente do Benfica no programa O Dia Seguinte, da SIC Notícias.

Ainda sobre o incidente que envolveu o dirigente leonino, Gomes da Silva pediu às entidades competentes que esclareçam o caso e ilibou o Benfica: “Não estava lá ninguém do Benfica. Só lá estavam entidades da Federação e da polícia. A polícia que venha dizer se a vida de Jaime Marta Soares estava em perigo e quem foram os adeptos que atacaram o presidente da Mesa da Assembleia Geral do Sporting. Está tudo gravado, há imagens. A responsabilidade neste jogo não é do Benfica, é da Federação”.

Leave a Reply