Golo de ouro deixa hóquei feminino fora da final da Taça Europeia

Jogadoras falam em campoO SL Benfica perdeu, este sábado, com o Gijon HC (4-3), falhando a final da Taça Europeia de hóquei em patins feminino. Foi preciso o golo de ouro para ser conhecido o finalista.

No Palácio dos Desportos Presidente Adolfo Suarez, na cidade asturiana de Gijon, foi a formação da casa a inaugurar o marcador, aos 3’.

Em desvantagem, as encarnadas – vencedoras da competição em 2014/2015 – não baixaram os braços. Iam valendo as defesas de Elena González até aos 18’, altura em que Rita Lopes rematou para o empate.

Aos 22’, o Gigon HC – o clube que mais vezes ergueu o troféu, a par com o Voltregà – aumentou a contagem mas, no minuto seguinte, Rute Lopes voltou a repor a igualdade. Ao intervalo, tudo empatado em Espanha.

Duelo equilibrado, renhido e com um ritmo alucinante. Aos 31’, o Gigon HC fez o 3-2 mas logo a seguir Rita Lopes igualou.

Com uma igualdade a três bolas, foi preciso o prolongamento (duas partes de cinco minutos) para ficar conhecido o primeiro finalista.

Emoção até ao fim com o golo a poder surgir a qualquer momento e para qualquer uma das formações. E foi mesmo a equipa da casa a marcar e a seguir para a final de domingo.

Paulo Almeida fez alinhar: Maria Vieira, Rute Lopes, Inês Vieira, Marlene Sousa e Rita Lopes.

Leave a Reply